ansiedade afeta o cabelo ansiedade afeta o cabelo

Ansiedade afeta o cabelo? 

4 minutos para ler

A queda de cabelo é um problema sério, que compromete a autoestima e auto imagem de muitas pessoas. Na grande maioria das vezes a causa é genética ou consequência de algum desequilíbrio orgânico, metabólico ou nutricional. Mas em alguns casos, a causa da queda é ansiedade crônica e o estresse. Você sabia disso?

A boa notícia é que esse é um motivo bem mais fácil de resolver em comparação com os demais citados. Mas, para vencer esse obstáculo, você precisa saber um pouco mais sobre o assunto, certo? Ao ler esse pequeno guia, você poderá entender como a ansiedade afeta o cabelo e se livrar da queda de uma vez por todas. Veja mais a seguir!

Entenda mais sobre a queda de cabelo

Quando notamos que os cabelos estão ficando escassos, costuma bater aquele desespero… Isso leva muita gente a procurar soluções milagrosas e lotar os consultórios dos dermatologistas em busca de resultados imediatos.

Entretanto, muitas vezes a queda é resultado de um estilo de vida desregrado e hábitos alimentares ruins. Se você já tem certa propensão à queda, vale informar que o cigarro, o excesso de bebidas alcoólicas, a falta de sono, anemia, problemas intestinais e o estresse podem ser fatores que agravam muito a situação.

E mesmo que você nunca tenha sofrido desse problema anteriormente, em casos de ansiedade extrema os cabelos podem começar a cair em maior proporção.

Saiba como a ansiedade afeta o cabelo

Nosso corpo funciona de uma maneira global e interligada. Isso quer dizer que o lado emocional e o conjunto físico se conectam e se afetam diretamente. Assim, quando passamos por situações de ansiedade ou estresse, nosso corpo libera substâncias como o cortisol.

Esse e outros hormônios relacionados ao estresse afetam diretamente o ciclo de crescimento dos cabelos. Os fios tendem a sair da fase anágena, de crescimento, e entrar precocemente da fase telógena, de queda. isso é percebido pelo paciente como aumento da queda dos fios durante a escovação ou durante o banho.

Além desses fatores, a ansiedade e o estresse inibem diversas funções do organismo. Você tem menos ou mais apetite, dorme mal, e a absorção daquilo que você ingere também fica prejudicada. Todo o equilíbrio do organismo é modificado. E se o organismo não está saudável, certamente os cabelos e as unhas não serão poupados!

Descubra como lidar com a ansiedade e o estresse

Agora que você já sabe um pouco mais sobre como a ansiedade afeta o cabelo, é bom ressaltar que essa circunstância é apenas reflexo de um estilo de vida nocivo, que pode comprometer a sua saúde de uma maneira bem mais profunda. Portanto, se você está notando que vive no limite, está na hora de mudar isso!

Invista em você, elimine as atividades e pessoas tóxicas que estejam gerando muito desgaste na sua vida. Comece a comer melhor, praticar atividades físicas, e encontre algo que você gosta de fazer. Afinal, não adianta gastar com tratamentos para o cabelo e negligenciar a sua saúde e bem-estar. Se o seu corpo estiver funcionando bem, os resultados serão muito melhores!

A ansiedade afeta cabelo, de fato, mas ela vai muito além disso. Viver em um estado de estresse sobrecarrega o organismo e faz com que todas as suas funções sofram. Com isso, todo o seu corpo entra em desequilíbrio; e a perda de cabelo é apenas mais um sintoma de que algo realmente não vai bem. Vale repensar seus hábitos e mudar de vida, são os primeiros passos para ter resultados capilares melhores e bem duradouros.

E você? Já sabia que o estresse pode causar a perda de cabelo? Compartilhe este post nas suas redes sociais e informe seus amigos a respeito do assunto.

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Share This