Atenção! Conheça algumas verdades e mentiras sobre queda de cabelo

4 minutos para ler

Perder o cabelo em qualquer idade é angustiante e pode ser ainda um golpe na autoestima. Existem muitas verdades e mentiras sobre queda de cabelo e, por isso, é preciso ter cautela para não gastar dinheiro à toa a fim de resolver esse problema.

Mas afinal, o que acontece quando o cabelo começa a cair? Esse processo pode ser evitado ou, pelo menos, desacelerado? Vamos conhecer alguns mitos e verdades sobre isso.

Entenda um pouco sobre cabelo 

Primeiro, vamos entender um pouco sobre o que é o cabelo. Eles são minúsculos fios de uma proteína chamada queratina e são ancorados em um grupo de células especializadas chamadas folículos capilares, que fornecem oxigênio e nutrientes à raiz (ou bulbo) do cabelo e têm uma glândula anexa que lubrifica o cabelo com uma substância oleosa chamada sebo.

Há um processo natural de renovação em que os antigos fios caem para que novos cresçam. Os ciclos de crescimento dos cabelos são:

  • Fase anágena – período de crescimento ativo que leva de três a seis anos.
  • Fase Catágena: é o estágio de regressão, ou melhor, quando o cabelo começa a morrer. Esse tempo leva cerca de três semanas. 
  • Fase Telógena: se estende por cerca de três meses, nela o cabelo morto é pressionado pelo fio novo chamado anágeno. 

A perda de cabelo masculina e feminina é uma condição progressiva e pode começar logo após a puberdade. A velocidade de progressão é muito subjetiva e ficamos sempre no diagnóstico e tratamento precoces.

No entanto, chegar a uma solução para a perda de cabelo pode ser muito estressante e frustrante. Vamos às verdades e mentiras sobre a queda de cabelo!

Saiba quais são as verdades e mentiras sobre queda de cabelo

A perda de cabelo é herdada do lado da mãe?

Falso 

Na maioria dos casos, é uma condição hereditária em que o gene pode ser transportado em ambos os lados da família. Existem duas variantes genéticas identificadas que podem ser herdadas por meio de um dos pais. 

Se essas duas variantes estiverem presentes, o risco de calvície, pelo menos nos homens, aumenta em sete vezes. Ou seja, a perda de cabelo masculina e feminina é poligênica, a tendência pode vir de ambos os lados da família e pode até pular gerações. 

Lavagem e secagem excessivas provocam a perda de cabelo?

Falso

Cuidados e manutenção regular dos cabelos, como lavar, pentear e secar, não resultarão em queda de cabelo. Mas, ao mesmo tempo, fazer coloração e secar o cabelo com secador pode danificar o próprio cabelo queimando-o, mas não fará com que o cabelo pare de crescer.

Se você está preocupado com a quantidade de cabelo que você vê na pia ou no pente após lavar ou pentear os cabelos, saiba que perder cerca de 100 fios por dia é normal. 

Estresse e outras doenças causam perda de cabelo?

Verdadeiro 

Nos casos de perda de cabelo masculina e feminina, o estresse pode ser um fator. Há também muitos outros problemas como a disfunção da tireoide, síndrome do ovário policístico, doenças graves, febre e uso de medicamentos.

Entre eles o Roacutan, utilizado no tratamento da acne, o Omeprazol (usado para tratar dispepsia, úlceras estomacais e refluxo) e a maioria dos medicamentos anticâncer podem causar perda de cabelo.

Rabos de cavalo ou pressão fazem com que ocorra a perda de cabelo?

Verdadeiro

A pressão é uma condição de perda de cabelo que é causada por quantidades excessivas de tensão nos fios, o que pode danificar o folículo piloso. 

Durante longos períodos de tempo nessas circunstâncias, a alopecia (calvície) por tração fará com que a produção de cabelo diminua e, finalmente, pare de crescer em conjunto. 

O tratamento precoce dessa condição é vital para o crescimento natural.

Procure sempre um especialista

Todos os problemas de perda de cabelo devem ser tratados no momento certo, ou seja, cedo. Fique atento e lembre-se de que verdades e mentiras sobre queda de cabelo devem ser esclarecidas por profissionais.

Procure sempre alguém especializado, como um dermatologista capilar. E, agora que você já conhece algumas verdades e mentiras sobre queda de cabelo, aprenda em nosso outro artigo a reconhecer os sintomas e a tratar e prevenir essa condição!

 

 

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Share This