efeito rebote efeito rebote

Efeito rebote no cabelo: o que é e quais são suas causas

4 minutos para ler

Você pode acreditar que, quanto mais cuidar dos seus fios, mais bonitos eles ficarão, não é? Entretanto, isso não é exatamente verdade, se você exagerar nos tratamentos… O excesso pode resultar no efeito rebote, que é quando seu corpo passa a produzir algo para repor ou compensar o que está em escassez.

Isso pode ocorrer quando você abusa dos tratamentos capilares: o cabelo reage da maneira oposta ao que você espera. O organismo pode criar mais oleosidade ou os cabelos podem se tornar mais pesados, por exemplo. É importante, por isso, respeitar a periodicidade entre os tratamentos e as características de suas madeixas.

Quer saber mais sobre esse assunto? É só ler este post que você vai encontrar tudo o que precisa saber sobre o efeito rebote capilar. Confira!

O que é e como acontece o efeito rebote

Sabe quando você se esforça tanto para remover a oleosidade da pele que ela acaba ficando ainda mais oleosa? Então: isso é o efeito rebote, que também acontece quando você exagera nos cuidados com os seus cabelos.

Lavar o cabelo exageradamente, usar produtos muito detergentes, hidratar em excesso ou errar a mão na hora de nutrir são alguns dos exemplos de cuidados que podem trazer o efeito oposto ao que você tanto desejava.

Entenda como surge o efeito rebote por excesso de nutrição

A nutrição tem o objetivo de devolver as gorduras dos cabelos. Para isso, são empregados óleos ou máscaras à base de óleos. Quando o tratamento é feito de maneira adequada, a nutrição devolve o brilho, a resistência e acaba com as pontas duplas dos cabelos.

Por outro lado, quando você abusa das umectações e nutrições capilares, o resultado pode vir a ser um cabelo pesado, sem movimento e opaco. Para recuperar os fios depois desse efeito rebote, a palavra-chave é: limpeza! Use um shampoo detox ou antirresíduos; complemente tudo com uma hidratação.

Veja o que pode ocorrer por excesso de hidratação

Todo cabelo precisa ser hidratado. Apesar de se chamar hidratação, o objetivo não é verdadeiramente repor água. Afinal de contas o cabelo é uma estrutura pobre nesse elemento. O objetivo é repor principalmente lipídeos protetores, criando um filme de proteção e reduzindo a porosidade dos mesmos. Hidratar demais,no entanto, não é uma atitude saudável, pois o acúmulo de produto pode deixar os fios opacos e com aspecto de sujeira e excesso de oleosidade.

Se você notar que isso está acontecendo com seu cabelo, reduza a quantidade de hidratações, nutrições e reconstruções no seu cronograma. As máscaras erradas também podem criar uma sobrecarga nos fios. Portanto, observe se a formulação é de fato recomendada para seu perfil capilar antes do uso.

Descubra o que o excesso de reconstrução pode causar nos fios

A reconstrução serve para repor a massa proteica dos fios e é muito indicada especialmente se você fez algum procedimento químico. No entanto, o excesso de proteínas pode deixar o cabelo rígido, quebradiço e sem vida. Neste caso, é melhor investir em nutrições e hidratações para corrigir o problema.

Embora pareça muito simples cuidar dos cabelos, é essencial que você saiba que os fios para fugir do efeito rebote. Somente conhecendo seus cabelos a fundo você será capaz de criar um cronograma capilar realmente eficaz. Para isso, procure um tricologista, médico especializado em cabelos ou um dermatologista. Eles farão uma análise correta dos seus fios e prescreverão os tratamentos mais adequados para o seu caso.

E você, já havia ouvido falar sobre o efeito rebote capilar? Compartilhe o artigo nas suas redes sociais e informe seus amigos sobre esse problema tão pouco divulgado ou comentado!

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Share This